Buscar
  • aplconsultores

Você já conhece o método SCRUM?

Quem busca por métodos ágeis no desenvolvimento e gerenciamento de seus projetos, seja para o desenvolvimento de um novo produto, ou de uma nova tecnologia, se ainda não conhece, precisa conhecer o método SCRUM.


Inicialmente aplicado no setor tecnológico, o SCRUM vem ganhando notoriedade nas mais diversas áreas por se tratar de um método que possibilita uma integração da equipe de trabalho, o que, atrelado a outros fatores, vem gerando resultados excelentes na entrega final aos clientes.

Para isso, o SCRUM parte de três premissas: planejamento, transparência e verificação.


Fonte: elaboração própria.


O SCRUM prega que planejar é importante, contudo, se prender 100% ao planejamento é desnecessário. Essa frase pode parecer loucura para muitas pessoas, entretanto, o fato é que a realidade pode se distanciar do planejamento em diversos momentos.

Quer exemplo melhor que essa pandemia que estamos vivendo? Pense em quantos projetos não conseguirão cumprir com o planejado nesse momento! Isso ocorre poque a realidade é muito dinâmica, e envolve inúmeros fatores que estão susceptíveis a mudanças.

Tendo isso em vista, o SCRUM defende que, como em qualquer processo, é necessário planejar. Contudo, ao invés de investir grande quantidade de recursos nessa etapa, os gestores o façam de maneira enxuta, de forma que o planejamento seja complementado conforme ocorra o andamento das atividades.

Como assim?


Simples, para o método funcionar é necessário, para além do planejamento, a transparência e a verificação, as quais são realizadas através das Daily e dos Sprints.


Calma, vamos explicar tudo direitinho!


Para viabilizar a transparência, deve-se dispor de um quadro, chamado no SCRUM de Kanban, contendo as seguintes informações: pendências, fazendo, feito.

Modelo de quadro Kanban:

Fonte: elaboração própria.


Esse quadro deve estar disponível/visível para todos da equipe, de forma que seja possível acompanhar o trabalho como um todo. Lembre-se, o SCRUM trabalha dentro da perspectiva de que todos na equipe estão trabalhando em prol de um mesmo resultado.


Assim, apesar de cada um ter sua função, a integração é um ponto crucial.

Imagine que você está trabalhando na construção de um super computador. Para isso, na sua equipe existem pessoas responsáveis pela carcaça e o designer da máquina, outras que estão trabalhando em prol do software que será utilizado e, por fim, têm aqueles que estão atuando na parte de memória, capacidade do computador, etc.


Apesar de cada um atuar em partes diferentes do projeto, essas partes não são, sequer de longe, desassociáveis. Afinal, ao término do trabalho essas partes irão compor um produto final: o super computador.


Grande parte das falhas dos projetos, que levam a exceder o tempo e/ou o orçamento estimados no planejamento, se devem a essa falta de integração, que leva a um pensamento individual do trabalho, acarretando na necessidade de voltar as etapas e refazer alguns pontos para que essa casamento das partes ocorra.


Para obstar essas falhas são aplicados os Sprints, ou seja, ciclos que visam testar de forma modular o trabalho que está sendo desenvolvido, possibilitando a verificação constante das entregas da equipe. Para tanto, é necessário ter periodicidade, seja semanal, quinzenal, mensal, e assim por diante, para o acontecimento desses encontros.


Nesses ciclos deverão ser estabelecidos os objetivos de cada Sprint, colocando o que deve ser concluído nesse período, em outras palavras, qual a entrega a ser feita ou qual o produto a ser disponibilizado ao final do Sprint. Esses objetivos deverão compor o quadro Kanban, e a equipe deve trabalhar em prol dos mesmos. Ademais, nesses momentos são realizados os testes para verificar se o que foi feito no Sprint anterior está apto ao funcionamento, ou se necessita de ajustes.


Assim, a cada ciclo é realizada a verificação do que foi feito no sprint anterior e são planejados os próximos passos. Por isso que o método defende um planejamento inicial mais enxuto, pois a cada Sprint são feitos planejamentos detalhados para aquele período, tendo em vista os resultados do Sprint anterior.

Fonte: Rock Content


Ademais, visando fomentar uma maior transparência e comunicação na equipe, o SCRUM prevê pequenas reuniões diárias, chamadas de Daily, com toda a equipe. E são pequenas mesmo, com 10 minutos de duração, antes de iniciar o trabalho do dia. Nesses momentos deverão ser colocadas três questões: o que foi feito ontem? O que será feito hoje? Quais os obstáculos estão interferindo negativamente no trabalho?


Através dessas perguntas, é possível se ter um parâmetro geral do andamento das atividades, o que possibilita a correção de possíveis desvios e problemas de forma ágil. No caso da existência problemas, todos dispõem sua atenção aos mesmos e, apenas após resolvidos, voltam-se ao trabalho normalmente.


Com isso, o método possibilita uma transparência muito grande do que está sendo feito, fomentando a integração da equipe e possibilitando que o trabalho seja mais harmônico. Ademais, tendo em vista a constante verificação, evita-se que os problemas se tornem uma grande bola de neve, dado que é possível identificar falhas logo em seu início.


A definição do método a ser utilizado irá depender do tipo de projeto que se pretende implementar. Alguns irão exigir um método ágil para seu gerenciamento, como o SCRUM, outros, por sua vez, serão melhores gerenciados através do método tradicional, o chamado cascata. Portanto, antes de decidir o método mais adequado, analise o seu projeto e o que melhor abrange suas necessidades.

#scrum #metodologiaagil

8 visualizações

CONTATO

contato@aplconsultores.org     

+55 (31) 99641-1560         

Viçosa, Minas Gerais